Últimas
{"ticker_effect":"slide-v","autoplay":"true","speed":3000,"font_style":"normal"}

Rússia condena jogadora americana a 9 anos de prisão; Biden diz que é ‘inaceitável’

O jogadora de basquete Brittney Griner foi presa, acusada de tráfico de maconha, em fevereiro. O presidente dos EUA pediu que ela seja libertada imediatamente.

A corte russa responsável pelo julgamento da atleta Brittney Griner declarou nesta quinta-feira (4) que a jogadora de basquete da WNBA cometeu crimes de porte de drogas e contrabando. Ela terá que cumprir pena de 9 de anos de prisão.

Anteriormente a Procuradoria da Rússia pediu uma pena de nove anos e meio de prisão para a estrela americana do basquete Brittney Griner.

“Peço a condenação de Griner a nove anos e meio de prisão em uma colônia (penal) do regime clássico e a um milhão de rublos de multa” (16.600 dólares), afirmou o promotor Nikolai Vlasenko, segundo uma jornalista da AFP presente na audiência no tribunal em Khimki, perto de Moscou.

Compartilhe nas Redes Sociais